22 de out de 2012

Mestre Ramatis

Ramatis


Publicada em 21 de Outubro de 2012
Não é somente uma alma que constrói um trabalho grandioso...

Congratulamo-nos convosco pelo esforço empreendido na concretização de mais uma tarefa espiritual, fortalecendo vossos espíritos para a conclusão da etapa encarnatória em curso. Bem sabeis da programação pre-encarnatória de Margarida, na construção do Agrupamento Espirita visando a divulgação da Mensagem Extraterrestre, da revelação da existência do Mundo Intraterreno e da divulgação da Doutrina Espirita consoladora das almas em sofrimento.


No entanto irmãos, não é somente uma alma que constrói um trabalho grandioso. O líder necessita de auxiliares competentes e fiéis, traduzindo em trabalho e serviço o esforço de progredir. Cada um de vós convocado ao trabalho, aceitou prontamente a tarefa de auxiliar no trabalho de Margarida. Outros, muito mais preparados, comprometeram-se com a Causa do Cristo Jesus; no entanto, abandonaram a tarefa a meio curso, devido tendências mal resolvidas, mergulho no poder econômico, e entrelaçamento dos nós afetivos familiares, não conseguindo libertar-se e enxergar além da matéria, onde um horizonte amplo delineia-se à frente, infinito de possibilidades de progresso.

Porém, irmãos, eis que é chegada a hora de libertar Margarida dos compromissos que vem durante toda sua existência cumprindo com exemplar rigor, servindo para vós de modelo.
Margarida, estais liberada para quando assim o desejar, desligar-vos das tarefas do Grupo Espírita, pois já instituístes para cargos de confiança pessoas que convosco trilham o caminho da fé e do trabalho.
Que coloquem em prática as novas funções, antes do vosso passamento, para que possam ainda contar com vosso apoio e orientação nas dificuldades naturais que surgirão.
Não tenhais medo, filhos meus, pois onde já vos encontrais hoje, estais preparados para enfrentar a difícil prova de serviço, na Seara do Divino Mestre Jesus; não mais como auxiliares, mas como líderes prontos a defenderem o Mandato do Cristo na Terra.
Despojai de vosso "ego" todas as tendências inferiores e mergulhai cheios de fé e confiança, no trabalho com Jesus, pois estamos convosco e com muitos outros. Desejamos que a humanidade desperte, e para isso Jesus é convosco, intuindo-vos e consolando-vos nas diversas provas e expiações que ainda experimentareis nesta jornada terrena.
No entanto, as forças desgastadas de Margarida muito a fazem sofrer, e como discípulos que sois, veem o seu sofrimento sem nada poder fazer em seu auxilio, pois é o corpo desgastado que clama por repouso e a alma sedenta de liberdade clama por um voo mais alto além dos horizontes da matéria.
Filhos amados, colocamo-nos ao vosso dispor, para esclarecimentos de alguma dúvida que ainda possa haver em vosso íntimo.
Sou vosso Mestre Ramatis, sempre ao vosso lado, disposto a conduzir-vos ao voo mais alto que vos libertará dos Planetas de Expiação e Provas.
Margarida – Querem fazer perguntas? Ninguém quer perguntar; então eu vou falar.
– Mestre, estive pensando o seguinte nesses dias: eu vou para a Reunião à tarde e fico apenas como um frequentador comum, deixando que o pessoal resolva. Fico assim por umas três semanas.
Quando tudo estiver bem, me afasto da terça-feira, mas às sextas continuo frequentando até o final da vida.
Ramatis – Deixamos ao vosso dispor o modo do desligamento do trabalho. Mas, alertamos Margarida: é reduzida vossa energia na matéria, e necessitamos do vosso tempo para a "divulgação das mensagens" que chegam.
Vossas parcas energias devem ser direcionadas para as Mensagens Semanais e a Divulgação trimestral para o Mundo, de forma mais clara e precisa, para as almas sedentas da Terra; é de uma importância relevante.
– P, dirigente do GESJ Jacaraipe, se penoso é vosso fardo filha, ainda tendes longo caminho pela frente. Desligai vossa mente do grupo familiar. Deixai que se conduzam por si mesmos, pois se Jesus, o Ser mais sublime desceu a Terra, deixando as lições imorredouras de amor e perdão; todavia, não conseguiu transformar todas as criaturas humanas. Logo, não será o vosso esforço, dividindo o tempo entre a Casa Espírita e vosso lar, que despertará as almas que convivem convosco no mesmo teto!...
Sabemos dos vossos questionamentos íntimos e dizemos apenas: tenhais fé, pois o mesmo Deus que socorreu todos vós dos abismos profundos das deformações e da ignorância, socorrerá e encaminhará vossos entes queridos, para estarem no momento certo onde por merecimento deverão estar. E não serão vossos cuidados que impedirão que sofram ou que caiam. Compreendeu filha?
Fazei por eles como faríeis por qualquer outro irmão carente, sem comprometer a tarefa doutrinária mediúnica, que neste momento é mais importante.
– E – O grupo consanguíneo ao qual vos ligastes é frágil; são espíritos milenares que expurgam os últimos resíduos de culpas na matéria. Tenhais fé filho, não podemos evitar sofrimentos dos nossos entes queridos, mas podemos fortalecer suas almas na disciplina e no conhecimento acerca da imortalidade da alma.
As responsabilidades que surgem, talvez de forma inesperada para vós, fazem parte da Programação Divina para a Terra de Expiação.
– G, trabalhadora de última hora, aproveitai a oportunidade, desligando-vos das ilusões materiais, aprofundando-vos no estudo da Doutrina Espírita, para melhor servir, auxiliando aqueles que de forma insegura assumirão a condução da Casa Espírita.
– F, sede fiel ao propósito de servir à Causa de Jesus, pois todos vós exerceis tarefas importantes para que a Casa Espírita mantenha-se no grau evolutivo que alcançou com a direção de Margarida.
Vosso trabalho requer concentração, confiança e fé, pois os ataques meus irmãos, intensificarão assim que Margarida alçar o voo libertador, pois julgarão os inimigos que a Casa estará desprovida de forças e atacarão sem piedade os novos condutores.
Armai-vos da confiança e da fé nos desígnios do Alto, e contai sempre com a Espiritualidade Amiga, que ao longo dos anos consolidou-se no trabalho, em afinidade com o plano físico.
– MC, fiel servidora. Cada um possui uma trajetória de vida, e a vossa requereu muita renúncia e fé, como todos vós, filhos meus.
Segui filha amada, sempre disposta a servir e amparar, orientar e apoiar os novos Condutores do Agrupamento Espírita.
– P, centralizai vossa mente no trabalho espiritual. Não podereis conquistar o mundo com os vossos ideais, mas podereis libertar vossa alma no trabalho afinizado com as Esferas Superiores.
Assim, filhos meus, conclamamos todos vós ao trabalho.
Não podemos precisar o tempo que tereis pela frente antes que a evacuação planetária ocorra, mas  sabemos que é tempo de lutas, trabalho e fé.
Nós vos saudamos em nome da Luz e vos deixamos a paz do Divino Mestre Jesus, Aquele que muito próximo nos conduz.
Mestre Ramatis
GESH – 07/09/2012 – PEIXOTO DE AZEVEDO – MT – Brasil

x

Pesquise no Site por Assunto

AS 10 MAIS DO MÊS