17 de jun de 2013

O Manuscrito de Sobrevivência

Parte 324 - 16.06.2013

Medo, dor, luta e trabalho. Para muitos, esta será uma descrição bastante precisa dos últimos dias daqueles que estiveram em contato recentemente com pelo menos um componente desta mistura inebriante de sintomas conflitantes. Na realidade são sintomas de uma profunda transformação que ocorre dentro de todos vós e como todos os sintomas, efetivamente de alguma maneira irão mascarar a razão de seu surgimento. São sintomas desagradáveis, facilmente classificados como negativos e, para alguns, interpretados como prejudiciais. Mas não são. O que realmente significam: são sinais claros que está se movendo para cima, para longe do miasma do drama e da ilusão em que esteve imerso por eras.


Aquilo que poderia ser chamado de estado de caos para muitos, significa que estão em vias de redescobrir o seu s verdadeiro potencial, o verdadeiro você, que vai surgir brilhando de toda a lama que às vezes parece estar incansavelmente atolado, não importa o quão duramente tente limpá-la. E assim, mais uma vez dizemos: lembre-se de levantar e sair desta lama, pois mesmo que todo o seu ser pareça ser quase sugado pela força desta, lute, pois seu espírito ainda está lá em cima, num céu sem nuvens. Então, só então, será capaz de ver que não caiu sob o feitiço do velho outra vez. É apenas a última demonstração de força dele, embora fútil. Conseguirá desde que seja capaz perder o foco do drama e deixar-se envolver totalmente com o verdadeiro você, do qual já conseguiu ver pelo menos um vislumbre.

Vamos repetir esta mensagem varias vezes, para lembra-lo que é muito fácil cair na tentação de voltar e entrar na briga com seus dramas interiores que estão sendo jogados fora em cores vívidas e liberá-los de uma vez por todas, do que reconhecer o fato de que sejam apenas miragens superficiais sobrepostas ao verdadeiro você. Para o real, você não é um ator, é simplesmente o verdadeiro você, agora e sempre. Então, novamente dizemos que esses altos e baixos, os medos e as lutas são um sinal de que está sendo apresentado com todas essas suas antigas e cansadas peças, com a razão explícita de finalmente dizer adeus a elas. Se não poder suprimi-las, isso irá, como antes dito, aumentar o drama. Então simplesmente "suba" e veja como tudo passa, como rajadas de fumaça passando na sua frente e à medida que sobe se juntam as outras lembranças à deriva no esquecimento, a reentrar na Criação para retornar ao seu estado primitivo de pura energia.

Você está voltando ao seu estado primitivo de consciência pura, porem desta vez, entrará com o veículo físico que chama de corpo. Não será um processo livre de atritos, longe disso. Todavia, lembre-se, poderá completá-lo se conseguir livrar-se do desejo de jogar junto com as cenas de teatro que surgirão para revisão. Veja-as como algo destinado a realmente ser uma revisão e não uma nova visita ao velho. Há uma distinção muito clara entre esses dois aspectos e pedimos mais uma vez para estar muito consciente do processo que deseja automaticamente aderir.

Repetimos, ajude-se a si mesmo, ligando para seu interior para o rio de inteligência, que está lá para ajudá-lo todo o tempo, não importa quão atolado na lama sinta-se. Vocês não são pessoas de barro, são espíritos livres, e por isso este banho não precisa durar mais do que o necessário. O rio está lá e não importa o quanto enlameados e sujos se sintam, o rio irá lavá-los. Não se preocupem, pois sua velha lama não vai estragar o rio de modo algum. O rio levará este lodo para um lugar, onde servirá como solo fértil para crescer a nova vida que tão profundamente desejam.


Canal: Aisha North
Tradução: Candido Pedro Jorge
 http://sementesdasestrelas.blogspot.com.br/

x

Pesquise no Site por Assunto

AS 10 MAIS DO MÊS