3 de mar de 2016

Vinagre de maçã – a farmácia no pomar



Rico em vitaminas, sais minerais,  oligoelementos e enzimas, previne e cura muitas doenças e caiu nas graças do povo há muitos anos. O Dr. D. C. Jarvis, médico de Vermont, Estados Unidos, fala de suas experiências e indica formas de uso desse  clássico da medicina popular.

A julgar pela extensa lista de benefícios promovidos pelo vinagre de maçã, o produto é o mais novo candidato ao título de milagre do pomar. Mais novo candidato? Nem tanto. O uso do vinagre data de milênios e atualmente, embora sem aval científico, é utilizado diariamente pelo povo e seu uso vai muito além  da fé e do folclore.


A demora do aval científico não é novidade. O mesmo ocorria até pouco tempo com muitos outros produtos de efeitos medicinais indiscutíveis e só recentemente pesquisados e suas virtudes aceitas e divulgadas.

Uma rápida avaliação dos elementos que compõem o vinagre de maçã é suficiente para entender sua fama de protetor da saúde: são mais de trinta elemenos nutritivos básicos, além de sais minerais, enzimas essenciais e complexos vitamínicos. Contém ainda muitos minerais e oligoelementos vitais, como potássio, cálcio, magnésio, fósforo, cloro, sódio, enxofre, cobre, ferro, flúor e silício
Entre muitas outras virtudes, ele é considerado antioxidante, antinflamatório e antibiótico. Equilibra o pH do sangue e da pele. Reduz colesterol, protege o estômago contra intoxicação alimentar.

Manual precioso
Um dos mais antigos pesquisadores do vinagre de maçã, o Dr. D. C. Jarvis lançou em 1958 o livro Folk Medicine – a Vermont Doctor’s Guide to Good Health, um sucesso na América que chegou à 23ª edição em três anos. A obra, lançada no Brasil em 1961 pela Editora Best-seller com o título de Agarre a saúde e não a largue mais, revela a notável característica da medicina  popular praticada de geração em geração pelos habitantes do Estado norte-americano de Vermont.

Avessos à moderna produção da saúde de laboratório e apegados à capacidade da natureza para preservar a saúde e recuperá-la de modo natural, os vermonteses observam o maravilhoso mecanismo natural que se manifesta em todas as formas de vida.

Foi na cidade de Barre, neste Estado, que o Dr. Jarvis escreveu sua obra, considerada pequeno e prático manual, referência obrigatória para estudiosos da vida natural.

Algumas das indicações do Dr. Jarvis, baseadas nas tradições vermenteses e confirmadas pela experiência prática do médico, publicadas na obra seguem aqui resumidas.

Obesidade

“Se uma mulher cuja roupa esteja apertada, tomar duas colheres de chá de vinagre de maçã num copo de água, às refeições,  ao fim de dois meses poderá apertar a roupa dois centímetros e meio na cintura”. O médico afirma que essas doses poderão também ser tomadas uma ao levantar e outra ao deitar e uma terceira no intervalo.

O Dr. Jarvis informa que não é necessário alterar a alimentação usual “à exceção dos alimentos que comprovadamente cooperam para o aumento da gordura no  organismo”.

Fadiga crônica

Depois de lembrar que a fadiga crônica é um sintoma de que “deixamos de seguir as leis da Natureza instituídas para a máquina humana”, o médico faz várias observações sobre dormir horas de sono necessárias: “Há pessoas que com poucas horas de sono amanhecem bem dispostas. Mas se sofremos de fadiga crônica e perda de ‘vontade de vencer’, não estamos incluídos nesse número”.
E ele prossegue recomendando aprender a descansar onde quer que se esteja. E cita antiga frase: Não corro, se posso andar; não fico, em pé se posso sentar; não sento, se posso deitar.

O médico lembra o tratamento tradicional de sua terra e recomenda a mistura de tres colheres de chá de vinagre de maçã em uma xícara de mel. Colocar essa mistura num frasco de boca larga, onde passe uma colher de chá, e levar para o quarto. “Tome duas colheres da mistura enquanto se prapara para deitar”. Se o sono demorar, tome mais duas colheres, recomenda o médico.

Em caso de reserva de energia muito baixa, o Dr. Jarvis radicaliza: coloque uma colher de chá de vinagre de mação em meio copo de água morna. Derrame na mão em concha dose equivalente a uma colher de chá da solução. Primeiro esfregue num braço e no ombro, depois passe para braço e ombro opostos. Então, em doses iguais, faça igual aplicação no peito, ventre, costas, coxas, pernas e pés. Não use toalha – esfregue a pela com as mãos até que haja absorção completa.

O médico ainda revela que evitar sabão é uma boa decisão, pois este, com sua alcalinidade, contribui para a fadiga. Se necessário, depois de remover a sujeira aplicar na pele solução de vinagre de maçã para equilibrar a acidez normal da pele.

Dor de cabeça crônica

Atribuídas a várias causas, a dor de cabeça é incômodo muito comum. As enxaquecas ainda não tem causas inteiramente conhecidas. O médico demonstrou, pela observação, que “quando a urina estava ácida, as enxaquecas eram menos frequentes, mais brandas ou desapareciam”.

Sua recomendação: mel às refeições. Duas colheres de chá para prevenir crise ou uma colher de sopa se a crise já se manifestou. Os vermonteses costumam usar a vaporização de partes iguais de vinagre e água levadas a ferver em fogo lento. Curvar-se sobre o vapor e aspirá-lo 75 vezes.

Hipertensão

Recordando ensinamentos de sua terra, o Dr. Jarvis lembra que é importante aumentar o consumo diário de ácidos orgânicos, como maçãs, uvas ou seus sucos – cerca de quatro copos diários. E entra o vinagre de maçã como valiosa fonte de ácido – duas colheres de chá de vinagre num copo de água. O mel é também citado pelo médico como bom amigo, funcionando “como um imã sobre os líquidos”, facilitando a diurese e aliviando a tensão.

O médico sugere que se troquem os alimentos à base de trigo pelos de milho. Trigo, açúcar refinado e carne são alimentos que estimulam a pressão alta. Sem falar no sal, elemento de risco para o hipertenso.

 Tonturas

Depois de discorrer sobre os tipos de tonturas, o pesquisador recomenda o uso do vinagre de maçã nas proporções utilizadas em outros tratamentos. Mas faz uma advertência: “Não espere ficar bom no dia seguinte”. Ele garante, contudo, que observadas as doses fielmente dentro de duas semanas os sintomas dimuirão e a melhora será ainda maior dentro de um mês.

Dor de garganta

A indicação básica é uma só: gargarejo com vinagre de maçã – uma colher de chá em um copo de água. Ao gargarejar, beber um gole para atingir outras regiões da garganta.

Jarvis revela que o vinagre pode curar até inflamação de garganta produzida por estreptococos.
Vinagre de maçã é encontrado em vários lugares, especialmente em casas de produtos naturais ou casas que comercializam ervas medicinais, mas é importante verificar a qualidade do vinagre. O produzido a partir de maçãs cultivadas organicamente é o preferido. Embora mais caro – pode custar até quatro vezes mais que o vinagre de maçã convencional -, está livre de interferências de elementos químicos e sua atuação benéfica é mais eficiente.

BOX

Outros efeitos do vinagre de maçã

• Reduz seios nasais doloridos e infecções na garganta;
• Reduz o colesterol elevado;
• Cura problemas da pele tais como acne;
• Protege contra intoxicação alimentar;
• Combate alergias em seres humanos e animais;
• Evita fadiga muscular após o exercício;
• Fortalece a imunidade;
• Aumenta o metabolismo, com consequente perda de peso;
• Melhora a digestão e cura constipação;
• Alivia sintomas de artrite e gota;
• Impede formação de pedras e infecções no tracto urinário.


BOX

Ingredientes

• Potássio - ajuda a prevenir dentes frágeis, queda de cabelo e coriza;
• Pectina - ajuda a regular a pressão arterial e reduzir mau colesterol;
• Ácido málico - tem propriedades antivirais, antibacterianas e antifúngicas;
• Cálcio - ajuda a criar ossos e dentes fortes;
• Cinzas - sua propriedade alcalinizadora promove níveis alcalinos adequados a um estado saudável;
• Ácido acético – acredita-se que este ácido reduz a digestão do amido e pode auxiliar na redução dos níveis de glicose que normalmente aumenta após as refeições.



Publicado por: Vida Integral
Compartilhe com seus amigos, imprima, copie o link, envie por e-mail.

Facebook Addthis Amazon AOL Mail Baidu Facebook Messenger Copy Link Email Gmail Google+ LinkedIn Myspace Outlook Print PrintFriendly Pinterest Twitter WhatsApp

Voltar

Pesquise no Site por Assunto

AS 10 MAIS DO MÊS