22 de ago de 2016

O Misterioso Crânio Sealand.

Há coisas bem bizarras que foram descobertas na Terra em anos recentes. É difícil diferenciar objetos autênticos de farsas elaboradas, mas algumas descobertas, como o crânio Sealand, são provas de que há mais coisas lá fora que não podem ser explicadas racionalmente. O crânio Sealand é um dos crânios mais controversos já escavados e ele revelou coisas fascinantes que alguns acreditam ser a melhor evidência de que seres alienígenas habitaram a Terra no passado distante.


Ele é considerado um dos crânios mais misteriosos já descobertos. Enquanto alguns acreditam que o enigmático crânio pertenceu à um alienígena que visitou a terra milhares de anos atrás, outros especulam que ele possa ter pertencido à uma espécie desconhecida que vivia em partes da Dinamarca no passado. Outros, porém, acreditam que ele seja somente mais uma farsa.

Testes feitos no crânio aparentemente revelaram resultados fascinantes os quais indicam que ele Talvez seja um dos poucos crânios inexplicáveis descobertos na terra.

Nesse artigo, trazemos até você as coisas mais importantes sobre o controverso crânio.

  1. O enigmático crânio foi descoberto em 2007, em Olstykke, na Dinamarca por trabalhadores que estavam repondo a tubulação de esgoto.
  2. De forma interessante, somente o crânio foi descoberto. Os restos do esqueleto pertencentes ao crânio nunca foram desenterrados.
  3. Alguns dizem que é porque o esqueleto do misterioso ser foi enterrado em algum outro lugar.
  4. O crânio foi examinado pela primeira vez em 2010, na Faculdade de Medicina Veterinária na Dinamarca. Antes disso, nenhum pesquisador queria examiná-lo.
  5. Os resultados de 2010 revelaram que se trata de um dos crânios mais misteriosos já testados, já que os especialistas foram incapazes de explicar a que espécie ele pertencia.
  6. Pesquisadores disseram que: “Embora ele se assemelhe à um mamífero, certas características são impossíveis de encaixar na Taxonomia Lineana”.
  7. Entre as teorias mais proeminentes, os pesquisadores propuseram que o crânio possa ter pertencido a um cavalo, mas outros testes revelaram que o crânio pertence à uma espécie desconhecida na Terra.
  8. Já que ninguém pôde decifrar o estranho crânio, ele foi enviado para o Instituto Niels Bohr, em Copenhague.  Datação por carbono revelou que este misterioso ser viveu entre 1200 e 1280 A.C.
  9. Na esperança de descobrir mais sobre o crânio, os pesquisadores escavaram a área onde ele foi encontrado, Entre outras coisas, eles desenterraram ossos animais, machados de pedra e outros artefatos que, de acordo com os pesquisadores, originou no período Neolítico.
  10. Alguns pesquisadores especulam que, devido aos grandes buracos oculares e a superfície lisa, é provável que este ser se adaptou ao clima frio. O tamanho relativo do olho sugere que tenha sido uma criatura noturna, com olhos gigantes.


Realmente, todas essas indicações anômalas sugerem que nossos livros de história estão errados, ou na melhor das hipóteses, incompletos.

Fontes: 

Fonte: 
http://filosofiaimortal.blogspot.com.br/search?updated-max=2016-08-22T08:18:00-03:00&max-results=3


Addthis Amazon AOL Mail Baidu Facebook Messenger Copy Link Email Gmail Google+ Google Translate Favorites LinkedIn Myspace Outlook Pinterest Twitter WhatsApp Yahoo Mail
Imprimir 

Pesquise no Site por Assunto

AS 10 MAIS DO MÊS