25 de jun de 2017

Saúde: Consumo de Raízes

Inhame


Um dos alimentos com maior variedade (mais de 200 tipos), o inhame, com cores variando do branco ao roxo, possui altos teores de vitamina B6 e potássio. Existem evidências que indicam que a essência do inhame contém uma substância química que serve como substituto do hormônio feminino estrogênio e melhora os sintomas da menopausa. 

Os chineses vêm usando inhame para manter-se saudáveis há muitos séculos.

Gengibre


O gengibre é a raiz de uma planta que a medicina chinesa vêm usando há mais de 2 mil anos. O gengibre oferece muitos benefícios em termos de saúde, incluindo auxílio à digestão, no tratamento da osteoporose, alívio de náuseas, auxiliar em tratamentos de doenças cardíacas e também valioso para combater gripes e dor de cabeça. O gengibre é, realmente, uma "super raiz".

Beterraba


A beterraba, com sua cor que lembra realeza, está repleta de coisas boas, sendo uma grande fonte de energia para o organismo. Contendo altes teores de sódio, magnésio, cálcio, ferro e fósforo, ela também é um alimento fibroso e com bastante vitaminas A, C e niacina. Uma maravilha, especialmente considerando que são baratas. Simplesmente coloque-a na geladeira por algumas horas e você terá um excelente lanchinho para beliscar. 

Rabanete


Os antigos gregos utilizavam muito o rabanete nos seus tratamentos de saúde. Rabanete contém bastante vitamina C e é muito bom para reduzir o teor de colesterol ruim (LDL).Também ajuda o sistema urinário e aumenta o suprimento de oxigênio na corrente sanguínea.

Funcho


Também conhecido como erva-doce, este vegetal com um sabor que lembra o anis é um componente constante dos produtos de higiene bucal como creme dental, antiácidos, e antissépticos bucais. A razão disso é que o óleo do funcho contém muitas substâncias benéficas à saúde.

Além disso, o funcho serve como remédio natural para anemia, pois é rico em ferro. Ele também pode auxiliar na solução de problemas digestivos e respiratórios. Por todas essas razões, sugerimos a inclusão desta raiz no seu cardápio. Fica ótimo em saladas.

Cenoura


Pesquisas conduzidas na Holanda recentemente mostraram que os vegetais de cor laranja ou amarela são os mais eficientes na prevenção de doenças cardiovasculares. Nesta categoria, destacou-se a cenoura. Se essa não for uma razão boa o suficiente para você começar a comer cenouras imediatamente, saiba também que elas são cheias de antioxidantes e fazem maravilhas pelos seus olhos, pois têm beta-carotenos, que nosso corpo converte em vitamina A.
Há evidências indicando que cenouras podem ser muito boas para os pulmões.

Cebola


Sempre que você comer cebolas, tente descascá-las o mínimo possível, pois é exatamente na pele que encontra-se a maioria dos flavonoides, com seu grande benefício anti-inflamatório.

Informamos também que foi descoberto que o consumo de cebolas faz aumentar a densidade óssea, algo especialmente importante para pessoas adultas e idosas. O consumo de cebolas auxilia seu corpo a proteger-se das infecções, reduzindo também o risco de ocorrência de câncer de traqueia e boca.

Alho



Um buquê de alho talvez tenha um aroma incomum, mas é um ótimo presente, pois fornecerá a você uma incrível quantidade de benefícios à saúde. Livros inteiros já foram escritos sobre os benefícios do alho, e como ele é ótimo para o coração, excelente no combate a vírus, ajuda a prevenir câncer e ajuda no metabolismo. Também é um grande protetor do organismo contra doenças causadas por radicais livres que oxidam as células do nosso corpo.

Fonte: Saúde

Pesquise no Site por Assunto

AS 10 MAIS DO MÊS